Onde pode atuar o seu osteopata?

Existe uma vasta gama de especialidades que atendem às necessidades de saúde das várias pessoas: como bebés, crianças, gestantes, acidentados, desportistas e idosos.

 

A osteopatia tem contra-indicações?

É importante frisar que a osteopatia não é contra-indicada em muitos dos casos clínicos! Porém, cada caso é um caso e não podemos generalizar!

Em resumo, por norma, o que pode ser contra-indicado são as técnicas que o osteopata possa usar durante a avaliação e tratamento. De qualquer forma, a osteopatia, por si só não é por norma contra-indicada a nenhuma condição.

 

O seu osteopata e o programa de tratamento

O mesmo deve ser baseado em objectivos práticos acordados com o paciente, onde é essencial auxiliar o paciente a ganhar tanto movimento, mobilidade e independência física quanto possível, para que o mesmo possa retomar seu trabalho e/ou estilo de vida habitual o mais rápido possível.

 

O seu osteopata e o seu médico assistente

Quando necessário, o osteopata pode reunir com o médico assistente do paciente para garantir os melhores tratamentos e resultados.

Existem situações em que é importante que ambos mantenham contacto no sentido de potenciar a qualidade e excelência no atendimento e acompanhamento do paciente.

Os Osteopatas também oferecem aconselhamento personalizado sobre trabalho e reeducação postural, exercícios de fortalecimento e elasticidade, tal como aconselhamento alimentar e gestão de stress.